21.10.17

Cerca de 3,6 milhões de pensões serão actualizadas em 2018

Os aumentos previstos para Janeiro oscilam entre 0,95% e 1,7%. Alguns pensionistas terão ainda um aumento extraordinário em Agosto.


Em Janeiro do próximo ano, e pela primeira vez desde há quase uma década, todas as pensões serão actualizadas e as pensões até 857 euros terão um aumento superior à inflação. Ao todo são 3,6 milhões de pensões, recebidas por cerca de 2,8 milhões de pensionistas, que terão aumentos entre 0,95% e 1,7%, beneficiando do crescimento da economia e da evolução dos preços.

Os aumento de Janeiro resultam da aplicação de uma fórmula prevista na lei e serão diferenciados consoante o valor das pensões, tendo como base uma estimativa para a inflação de 1,2% - o valor com que o Governo está a trabalhar.

As pensões até 857 euros terão um aumento de 1,7% (o valor da inflação mais 0,5%), já as pensões entre este valor e os 2570 euros serão actualizadas em 1,2%. E, finalmente, as pensões entre 2570 e 5142 euros terão um ajustamento de 0,95%.

O impacto destas actualizações custará 357 milhões de euros à Segurança Social, a que se somam 35,4 milhões destinados à actualização extraordinária que será feita em Agosto. Neste caso, o aumento será dado por pensionista e o objectivo é garantir que quem recebe um total de pensões até 632 euros terá um aumento de seis ou dez euros em comparação com o final de 2017.

Viera da Silva frisou que “na generalidade das pensões mais baixas a acumulação de aumentos permitirá repor o valor real antes do congelamento”.

Raquel Martins