23.10.16

Santarém – Já há Comissão Municipal de Proteção de Pessoas Idosas e/ou Dependentes

Os membros da CMPPID – Comissão Municipal de Proteção de Pessoas Idosas e/ou Dependentes, do Município de Santarém, tomou posse no dia 14 de outubro, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, na presença de Susana Pita Soares, vice-presidente da Câmara de Santarém.

Com o objetivo de melhorar a qualidade de vida das pessoas idosas e/ou dependentes, mais vulneráveis, através da articulação, informação e promoção dos seus direitos e da sua proteção, de modo a garantir o seu bem-estar e dignidade, a atuação desta Comissão abrange todos os idosos do Município de Santarém com idade igual ou superior a 65 anos e/ou pessoas em situação de dependência, independentemente da idade.

Esta Comissão é composta por membros de entidades públicas e privadas com ou sem fins lucrativos, implantadas no Município e com intervenção social e na área da saúde, no apoio a pessoas idosas e/ou dependentes, convidados pela Câmara de Santarém, enquanto entidade coordenadora, após auscultação do CLASS – Comissão Local de Ação Social de Santarém.

A CMPPID é constituída por um elemento da Câmara de Santarém de Santarém, um representante da Segurança Social, um representante do Agrupamento de Centros de Saúde Lezíria, um representante do Hospital Distrital de Santarém, um representante da APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, um representante da Polícia de Segurança Pública, Um representante da Guarda Nacional Republicana, um representante do Tribunal de Santarém, um representante das Misericórdias do Município, um representante das Instituições Particulares de Solidariedade Social do Município, um representante das Instituições do Município de Apoio às Pessoas com Deficiência, um representante das Instituições do Município de Apoio às Pessoas com Doença Mental e m representante das Juntas de Freguesia do Concelho.

Susana Pita Soares regozija-se com a constituição desta Comissão que “trabalha para as pessoas idosas e/ou dependentes, que exigem de nós uma resposta mais célere e eficaz (…) porque cada um de nós tem direito a um envelhecimento digno. Por isso, delineámos esta estratégia municipal que, certamente, vai dar um importante contributo para o que deveria estar consagrado: o direito à felicidade não tem idade”.

A vice-presidente da Câmara de Santarém acrescentou ainda que esta Comissão “vai contribuir para a construção desse bem-estar coletivo para um Concelho de idosos felizes, sem exposição a quaisquer atos de violência”.

A CMPPID funciona nas instalações da Divisão de Ação Social e Saúde do Município de Santarém, reúne na segunda quarta-feira de cada mês ou reunir extraordinariamente, quando o cumprimento das suas funções o exija ou mediante requerimento fundamentado de qualquer dos seus membros, dirigido ao membro representante da Câmara Municipal, que coordena.

João Baptista
O Ribatejo 17.10.2016

Nota da administração do blogue: A criação da Comissão Municipal de Protecção de Pessoas Idosas e/ou Dependentes no Município de Santarém, é um exemplo a ser seguido pelos outros municípios Portugueses.