28 de novembro de 2019

A Comissão Instaladora da Delegação Tejo Sul da APRe! sensibiliza os reformados para a importância de se tornarem associados

Comissão Instaladora da Delegação Tejo Sul

A Comissão Instaladora da Delegação Tejo Sul da APRe! tem informado todos os associados do Distrito de Setúbal sobre as suas recentes actividades realçando, nomeadamente, a realização de um debate no Núcleo do Seixal sobre o Estatuto do Cuidador Informal que teve lugar na Junta de Freguesia de Amora e a presença de dinamizadores deste Núcleo nas festas anuais das várias freguesias do concelho com o objectivo de divulgar a acção da APRe! e de, através de contactos estabelecidos, sensibilizar os reformados para a importância de se tornarem nossos associados.

27 de novembro de 2019

Comunicado da Direcção sobre a Petição apresentada na AR relativa ao COMPLEMENTO SOLIDÁRIO PARA IDOSOS



Caros (as) Associados (as)

 Informamos que recebemos da 10ª Comissão da Assembleia da República - Trabalho e Segurança Social - a nota de admissibilidade da Petição nº 642/XIII/4ª que apresentámos sobre a alteração da legislação relativa ao Complemento Solidário para Idosos. 

Abaixo transcrevemos o texto: 

"Encarrega-me o Exmo. Senhor Presidente da Comissão de Trabalho e Segurança Social, de informar de que a Petição que V. Exa remeteu, deu entrada na Assembleia da República, em 05.07.2019, tendo-lhe sido atribuído o nº 642/XIII/4.ª, foi admitida em 27/11/2019, e que esta se encontra, nos termos regimentais, para efeitos de apreciação e elaboração de Relatório Final, nesta Comissão de Trabalho e Segurança Social. " 


 Saudações 

Pel'A Direcção 
Ângela Dias da Silva 
Vice-presidente

26 de novembro de 2019

Delegação Regional de Lisboa: almoço comemorativo do sétimo aniversário APRe!



Caros Associados e Amigos,

Tal como tem acontecido em anos anteriores, a Delegação Regional de Lisboa, em colaboração com os seus Núcleos, promove um almoço comemorativo do sétimo aniversário da nossa Associação.

Ao longo destes sete anos da sua existência, a APRe! não só tem conquistado cada vez maior relevo na defesa dos aposentados, pensionistas e reformados a nível nacional, como também já é uma voz respeitada a nível internacional. A APRe! é já considerada um parceiro, não raras vezes consultado por instâncias nacionais e, modéstia à parte, à nossa Associação muito se deve o que já foi recuperado pelos pensionistas.

E se estes factos, só por si, constituem motivos para que celebremos o seu aniversário, assume especial significado fazê-lo nesta época festiva.

A força da APRe! será sempre aquela que os seus associados lhe conferirem e para que possamos reivindicar mais e melhores condições de vida para o nosso grupo etário, é essencial que sejamos muitos e unidos e que façamos passar essa imagem para o exterior.

O almoço vai realizar-se no dia 12 de Dezembro próximo, quinta-feira, pelas 12h30m no Restaurante Caravela de Ouro, Praça 25 de Abril, em Algés, com a presença de membros da Direcção.

Desafiamos todos os associados a comparecerem para que esta jornada de convívio possa contribuir para o fortalecimento dos laços que nos unem.

Para além da refeição, de que juntamos a ementa, haverá um momento cultural.

As inscrições deverão ser feitas até ao dia 09/12/2019, para apre.cultura.lisboa@gmail.com de acordo com as indicações que seguem em anexo.

Contando com a vossa presença,
Cordiais cumprimentos,

Vitor Ferreira
Delegado Regional de Lisboa




20 de novembro de 2019

7.º Congresso “Envelhecimento ativo e Saudável”em Coimbra

O isolamento e a insuficiência das respostas na área da saúde para os idosos que regressam a casa após internamento hospitalar foram realçados hoje pelos oradores de um debate realizado em Coimbra.

 

“Há ainda muita gente analfabeta e em situação de isolamento”, afirmou a professora reformada Maria do Rosário Gama, salientando que o problema atinge os idosos nas zonas rurais, mas também os que vivem nos grandes centros urbanos.
 A ex-presidente da Associação de Aposentados, Pensionistas e Reformados (APRe!) lembrou que, atualmente, pelo menos 40 mil idosos “estão a viver isolados” em Portugal, além de que a maioria deles aufere “pensões muito baixas”, inferiores ao salário mínimo nacional.


Notícias de Coimbra, 20.11.2019


18 de novembro de 2019

APRe! Notícias 12






Há mais de 41 mil idosos a viver sozinhos ou isolados

A Guarda Nacional Republicana (GNR) sinalizou 41 868 idosos a viverem sozinhos ou isolados em todo o país em Outubro no âmbito da operação "Censos Sénior", anunciou esta segunda-feira a guarda.
Em comunicado, a GNR adianta ter reportado 215 situações de maiores vulnerabilidades às entidades competentes, sobretudo de apoio social. Outros 4274 idosos receberam apoio de outras instituições, que não são especificadas pela guarda.
De acordo com os dados, o maior número de idosos identificados a viver sozinhos ou isolados foi no distrito de Vila Real (4736), seguido da Guarda (4183), Faro (3272), Viseu (3201), Portalegre (3147) e Bragança (3142). Em Lisboa foram identificados 626 idosos a viver sozinhos ou isolados e no Porto 1.026.

 

Ler mais aqui : No pais há mais de 41 mil idosos a viver sozinhos ou isolados

Lusa, 18.11.2019

17 de novembro de 2019

Visita de associados da APRe! - Delegação de Lisboa, ao Museu da Filigrana.

O Museu da Filigrana, localizado no Largo de São Carlos em Lisboa, apresenta a arte ancestral da manufactura da Filigrana em Portugal. É o primeiro espaço museológico no país exclusivamente dedicado à Filigrana. O Museu percorre a cronologia da evolução da filigrana em Portugal, recria o ambiente tradicional das oficinas familiares e integra as diferentes fases do processo desta arte.
 O interesse pela cultura portuguesa e o convívio entre todos os associados motivaram este evento que envolveu 60 associados da APRe! - Delegação de Lisboa, no passado dia 14 de Novembro.





5 de novembro de 2019

Nova política de taxas e comissões bancárias que a CGD pretende aplicar no início de 2020: comunicado à imprensa


Caros (as) Associados (as)

A nova política de taxas e comissões bancárias que a CGD anunciou para aplicar a partir do início de 2020, provoca um significativo aumento de custos para os clientes com menos rendimentos, nomeadamente os reformados, com um agravamento de 14%.

Por essa razão a Direcção da APRe! emitiu um comunicado à imprensa sobre o repúdio destas medidas.

Esta posição pública pode ser insuficiente para evitar a implementação dos referidos aumentos, pelo que a Direcção da APRe! remeteu também no passado dia 3 de Novembro, um mail para o Departamento de Supervisão Comportamental junto do Banco de Portugal, para o Conselho de Ministros e para os grupos parlamentares dos Partidos Políticos.

Nesse mail consideramos injusta e desproporcionada a actualização de taxas porque, em nosso entender, configura uma dualidade de critérios:

  • penalizar mais quem tem menos rendimentos e
  • contrariar as recomendações do Banco de Portugal de que não devem ser discriminados os clientes em função dos rendimentos ou do património, atingindo quem tem menos rendimentos e, também, a grande maioria dos Aposentados, Pensionistas e Reformados que recebem a sua reforma através daquela instituição bancária.


A APRe! reclama que sejam estabelecidos limites a estas medidas relativas ao custo dos serviços bancários em geral e do banco público em particular.

Oportunamente solicitaremos também uma audiência à Sr.a Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social a quem entregaremos o nosso Caderno Reivindicativo e, entre outros assuntos que consideramos da maior importância, apresentaremos também a nossa contestação sobre os aumentos das comissões da CGD.

5 de Novembro 2019

Pel’A Direcção
Ângela Dias da Silva
Vice-presidente